Enigmas do amor

eISBN: 978-85-65943-70-3

Autor/Organizadores: Thiago de Almeida

Prefácio

Todos nós nos relacionamos de uma maneira ou de outra.

No amor, esse relacionamento me parece constante, ativo, sempre em ebulição, ora para sentimentos de felicidade, ora para dúvidas, ora também para desavenças e desconfianças da vida a dois. Avaliar o que se passa com o coração é desafio dos mais complexos na vida das pessoas, sempre atribuladas com suas rotinas profissionais e assuntos tidos mais importantes. Pois eu digo que não há assunto mais importante do que um relacionamento amoroso, porque ele é que vai conduzir todos os outros temas de sua vida, e pontuar qual é a importância que cada um deve ter naquele instante. Em muitos casos, descobre-se que nada vale tanto. Daí a necessidade de saber voar em céu de brigadeiro por essas nuvens da paixão. Thiago de Almeida e Daniel Madeira especialistas no assunto, jogam luz ao tema nesta publicação de leitura fácil e objetiva e organizam para você em ‘Enigmas do amor’ perguntas e respostas ao compartilharem conosco, alguns conhecimentos interessantes que você provavelmente gostaria saber sobre um relacionamento aoroso em todas as suas fases.

O livro não é de autoajuda, embora pudesse facilmente se posicionar nesse sentido. Trata-se de conhecimento em cima de estudos de campo, de pesquisa, de muita leitura e boa dose de experiência. Não seria demais afirmar nesse breve prefácio que o que esses autores fizeram foi adiantar passos que certamente poderão ajudar as pessoas em seus relacionamentos, no mínimo abrir horizontes para possibilidades que norteiam e absorvem a vida conjugal das pessoas, ora no começo da parceria, ora quando a paixão arde em desejo, ora ainda quando a vida conjugal vai para a geladeira.

Viver com alguém, como todos sabem, é abrir mão de muitas coisas e passar a pensar no outro como se estivesse pensando em si mesmo, às vezes até mais. Mas certamente jamais será se anular por completo, negando desejos pessoais somente para agradar ao outro.

Quem consegue equilibrar esses sentimentos e ações acaba ajudando o relacionamento a se fortalecer, de modo que os dois possam respirar sem se sentir sufocados. Anular-se diante do outro talvez seja o maior engano dos que se amam. Não ser você mesmo só traz problemas para o casal. Erra quem pensa que consegue dar esse passo sem sentir as consequências. Na verdade, o que essa pessoa está fazendo, na maior das boas vontades até, adiantando o momento de rompimento por saturação. A tendência, nesse caso, e uma explosão de sentimentos e de revolta mais cedo ou mais tarde.

‘Enigmas do Amor’ traz muito mais. As dicas, conselhos ou mesmo indicações contidas nesta publicação são, sem medo de errar, relevantes e devem ser ao menos levadas à reflexão. Quem por exemplo nunca pensou duas vezes para se envolver num relacionamento por medo? Medo da rejeição ou de qualquer outro sentimento que possa colocar o namoro em xeque ou expor uma das partes em seu grupo social. Mas o medo pode ser trabalhado, entendido, administrado e, claro, superado. Esse medo pode até desaparecer quando se domina, por exemplo, as técnicas da sedução, ou ainda, quando sabemos lidar com a dor da separação da melhor forma possível.

Robson Morelli
Editor da Letras do Brasil
http://www.letrasdobrasil.com.br

Deixe uma resposta